Restauração de Pisos

0 com

Curso de azulejista!

A construção civil está em alta.
E justamente por isso,a mão de obra esta  escassa também.
Por isso a formação de novos profissionais vem sendo tratada como status de curso tecnológico.
Quem a 20 anos atrás pensaria que teríamos curso de pedreiro,uma profissão passada de pai pra filho na pratica,sem sala de aula ou apostila.
É,mas os tempos mudaram,e um dos cursos mais procurados é o de azulejista!
Mas quais instituições dão este curso,em quais cidades?
Vamos passar algumas informações sobre isso.
SENAI
O Senai é uma das instituições mais procuradas,mas nem todos os estados tem os mesmos cursos.
Recomendamos procurar o Senai da sua cidade ou região e se informar.
Um curso de azulejista no Senai é emprego certo,visto que para cada curso a instituição é apoiada por empresas do setor,o aluno conclui o curso já empregado.
Sindicatos da construção civil.
Os sindicatos como o Sinduscon detectando a necessidade de mão de obra qualificada,com apoio governamental ou da iniciativa privada também organiza cursos como o de azulejista.
Procure se informar em lojas de matérias para construção da existência de algum sindicato em sua região,e se informe no mesmo sobre cursos na área.
Programas de capacitação profissional de instituições governamentais
O que é PLANSEQ?
É um programa de qualificação profissional para os beneficiários do Programa Bolsa Família realizado pelo Governo Federal – por meio dos ministérios do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, do Trabalho e Emprego e do Turismo – em conjunto com os governos estaduais e municipais, empresários e trabalhadores.Quais os cursos oferecidos?

Os cursos oferecidos são nas seguintes áreas:

Construção Civil: Tem vaga para pedreiro, eletricista, pintor, gesseiro, encanador, entre outros. 

Os cursos da Construção Civil como pedreiro, eletricista, pintor, gesseiro entre outros estão focados nas regiões metropolitanas de São Paulo, Campinas, Baixada Santista, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Recife, Salvador, São Luís, Fortaleza, Curitiba, Belém, Porto Alegre e Distrito Federal, além das cidades de Manaus, Vitória, Goiânia, Palmas, Maceió, Campo Grande e Aracaju.
Para maiores informações procure os postos do SINE da sua cidade. 
Capacitação por empresas privadas
Para evitar a falta de mão-de-obra que ronda o mercado da construção civil, grandes construtoras estão oferecendo cursos gratuitos de formação e qualificação profissional.
Essa é uma das estratégias adotadas para que o crescimento no setor não se torne um pesadelo e as obras não atrasem.
A. Yoshii Engenharia - Referência de Qualidade
Silvana Francisco da Silva, de 31 anos, jamais pensou em trabalhar na construção civil.
Hoje é tudo o que quer.
No início do ano, ela foi chamada para fazer a limpeza final de apartamentos da A. Yoshii.
Agora está fazendo o curso para ser pedreira azulejista.
“Eu já carreguei saco de milho, de terra.
Ser pedreira não vai ser difícil.
Eu vou é ter muito orgulho.
Sem contar que não me troco pelo serviço de certos homens.
Eu gosto é de ver tudo muito bem feito e não desisto.
” Após o curso, Silvana tem a possibilidade de ser contratada pela empresa. 
Se isso acontecer, terá um salário em torno de R$ 900, melhor que o que ganha hoje como diarista.
“Sem contar que vou ter o final de semana livre para cuidar da casa e do meu filho.”
Uma dica,procure em jornais ou em sites regionais de empregos, anúncios de construtoras e procure se informar sobre a possibilidade de aprendizado.
Escolas especializadas
Alguns empresários já enxergaram na construção civil um ramo promissor e transformaram o ramo de cursos da construção civil em redes de franquias.
Instituto da Construção
 Acessem os sites das escolas e se informem das unidades mais próximas da sua casa.
Internet
E se pesquisar no Google também vai encontrar cursos em DVD,on line para aprender o básico e teórico da profissão.
Instituto Universal Brasileiro
É isso ai.
Mãos a obra?

0 com

Rodapé! Quais os tipos de aplicações?

Esta matéria é patrocinada por:


O rodapé é o acabamento final do piso da sua casa.
Mas de que forma podem ser instalados?
Convencional – Esse é o tipo de rodapé mais utilizado. 
Após a instalação,ele deixa um ressalto  para fora da parede de 1 a 2 centímetros dependendo do material usado.
Embutido – Se a obra estiver no inicio,deixe a altura do futuro rodapé sem reboque,se a parede já estiver pronta faça a remoção do reboque até a altura do rodapé para inserir o rodapé. 
Isso fará com que a parede e o rodapé fiquem alinhados verticalmente, ou seja não cria nenhum ressalto.
Negativo ou invertido – Se a obra estiver no inicio,deixe a altura do futuro rodapé sem reboque,se a parede já estiver pronta faça a remoção do reboque até a altura do rodapé para inserir o rodapé,porém esse espaço não é preenchido pelo rodapé. 
É colocada uma cantoneira de alumínio para dar acabamento.
Neste caso,pode se pintar a cantoneira de acordo com a cor da parede.
Sem rodapé –Quando uma parede é revestida com algum tipo de revestimento como,azulejos,canjiquinha, seixos rolados, pedras, madeira, concreto armado,não é necessário.

Abaixo segue desenho explicativo de todos as aplicações.

www.claramar.com.br
Encontre marmorarias em sua cidade acessando o link abaixo:
www.oazulejista.com.br/marmorarias

0 com

Como ter meu próprio negócio? Franquia de baixo investimento.



A QUEM SE DESTINA ESTA FRANQUIA:
·         Jovens empreendedores, que podem contar com o suporte e a experiência de uma franqueadora para ajudar a gerir seu próprio negócio;
·         Profissionais da construção civil (Engenheiros, Arquitetos, Pintores, Mestres de Obra, Técnicos, etc),  que queiram ter o seu próprio negócio, mas com a experiência de quem já está no ramo;
·         Proprietários de Loja de Materiais de Construção ou ligadas à Construção Civil, que estão querendo abrir o leque de atividades afins com ajuda de profissionais do ramo;
·         Empresários que queiram trocar seus negócios por um novo, onde o mais interessante é que existe toda assessoria necessária para constituição do novo empreendimento;

EXPERIÊNCIA ANTERIOR:
Não exigimos que o franqueado tenha atuado anteriormente no ramo de Limpeza Profissional, porém é desejável conhecimento do ramo de atendimento.

NÍVEL DE ESCOLARIDADE:
·         É desejável que o Franqueado tenha o segundo grau completo;
·         Também é desejável que ele tenha conhecimentos básicos na área de informática.

OUTROS REQUISITOS:
Espírito Empreendedor: é essencial que o Franqueado possua empenho de empreendedor na condução de seu negócio, esteja disposto a assumir riscos, tenha disposição para o trabalho e tenha habilidade em delegar tarefas;
Facilidade de Comunicação: O Franqueado deverá ser comunicativo e ter facilidade em transmitir informações a sua equipe e aos  clientes;
Sociabilidade: O Franqueado deve ter facilidade em trabalhar com o público, deve ter habilidade em delegar tarefas e motivar sua equipe;
Assumir riscos: O Franqueado deve ter consciência que mesmo nos negócios formatados há riscos.
 
 IDADE:
Acima de 20 anos.
0 com

Pastilha de madeira!



Pastilhas de madeira
As placas de pastilha de madeira podem ser oriundas de  reciclagem e aproveitamento de resíduos,ou madeira de reflorestamento. 
Uma ideia simples de extraordinário resultado estético e sustentável.

Trabalhar com materiais provenientes de reciclagem pode ser não apenas uma forma de proteger a natureza, mas também de deixar a casa mais bonita e personalizada. 
As pastilhas de madeira são um exemplo de como o reaproveitamento de resíduos pode resultar em sofisticação e num belo acabamento para os mais variados ambientes. 

Produto sustentável, feito com madeira proveniente de manejo florestal aprovado pelo Ibama, essa pastilha tem um processo de fabricação bem cauteloso.
A madeira é submetida a tratamento térmico garantindo a sua durabilidade contra a umidade e imunidade contra o ataque de fungos e cupins.

Com diversas utilizações, tamanhos, cores e possibilidades de aplicação, as pastilhas de madeira podem ser colocadas em paredes, pisos (de baixo e médio tráfego), floreiras, painéis, gazebos, decks e mobiliários, desde que não sejam utilizadas em áreas molhadas.Placas de pastilhas da Indusparquet, feitas com pecinhas de madeira de demolição

0 com

Cuidados com pisos e pias de granito.

Foto: Piso de Granito Branco Marfim somente R$ 95,00m²

1- Cuidado com os “inimigos” do granito
Estocar em local longe de agentes nocivos como água contaminada (ferrugens, pó de madeira, produtos químicos, etc.). 
Outro inimigo do granito ou mármore é o PRODUTO OLEOSO, logo procure sempre remover com maior rapidez possível esse agente.
2- Posição das peças
As peças devem ser arrumadas em posição sub vertical, sobre papelão, ripas de madeira mole (exceto em materiais claros), isopor ou correias de borrachas, sempre face lustrada com face lustrada, tendo em vista que a face bruta em contato com a face lustrada pode arranhar esta superfície.
3- Arestas quebradas
Arestas quebradas na face inferior da peça, não são problemas, pois após o assentamento, não aparecem.
4- Evite passar de 30 dias
Evitar armazenamento por período superior a 30 (trinta) dias, pois algumas peças podem ficar arqueadas, principalmente as peças acima de 60 cm de lado.
5- Cuidado especial com peças grandes
Peças grandes acima de 1 m de lado, devem ser estocadas deitadas (sentido horizontal), para evitar seu arqueamento. 
O assentamento deverá ser efetuado somente em pisos planos.
6- Como armazenar lavatórios
No caso de lavatórios, os mesmos deverão ficar encostados na parede, quase a prumo, com a superfície bruta voltada para a parede. 
A aresta polida que fica em contato com a parede deverá estar protegida por papelão ou jornal.
7- Como transportar em caminhões
No caso de materiais a serem transportados em caminhões, eles deverão ficar na posição vertical e a cada 2m de comprimento, fixados em tacos de madeira pregados no assoalho do caminhão, para evitar movimentação e quebra.
8- Procure evitar o remanejamento
Evite remanejamento desnecessário das peças, pois pode resultar em quebras.
Foto: Piso de Granito Preto São Gabriel a R$ 130,00m²

Related Posts with Thumbnails