Related Posts with Thumbnails

Máquinas e ferramentas

0 com

Qual a metragem minima para cozinha,área de serviço ou lavanderia,banheiro e lavabo!



Um projeto cuidadoso e caprichado garante o sucesso comercial e o bem estar dos moradores de uma residência.
Além dos parâmetros básicos de todo projeto arquitetônico como aproveitamento do terreno, estética, circulação e aspectos estruturais a base do conforto é estabelecer medidas corretas para cada ambiente e cada detalhe.
A previsão das medidas corretas para cada ambiente garante uma residência mais confortável, parece que tudo está no lugar certo ou, melhor ainda, quando os moradores sentem que parece que tudo sempre esteve lá, como se fosse coisa da natureza.
Para ter ambientes bem planejados o ideal é contar com o apoio de um arquiteto ou decorador.
Eles estão preparados para encontrar a melhor solução para cada espaço, aproveitando ao máximo cada pedacinho do terreno e da futura construção.

Antes de elaborar o projeto propriamente dito é necessário analisar a circulação do ambiente, bem como a atividade e respectivos utensílios que ali serão instalados.
A abordagem é feita de fora para dentro e vice-versa, ou seja, primeiro se analise o terreno e o que ele permite fazer, logicamente levando em conta o orçamento disponível.
A partir da área disponível e da proposta da construção o arquiteto vai estudar cada cômodo, para que atendam aos objetivos. Analisado cada ambiente, vai-se estudando a circulação entre eles e como se enquadram na construção como um todo.
"Entre Esboços" Design Interior
Neste pequeno guia estão algumas destas áreas e medidas, que foram retiradas do blog parceiro-Entre esboços.

Cozinha -- A área mínima é de 4 m², com no mínimo 90 cm no corredor de circulação, para facilitar o trabalho sem interferir na passagem.

A pia para lavagem de louças deve ter, no mínimo, 55 cm de profundidade enquanto que a altura média fica em 92 cm, variando conforme a estatura dos proprietários da casa.
Área de serviço -- Área mínima de 4 m².

O tanque de lavar roupas deve estar em uma altura mínima de 80 cm.
Banheiro -- As dimensões variam de acordo com as peças a serem instaladas e a categoria do mesmo, por exemplo, simples, de luxo ou funcional.
Em todos os casos, a medida mínima (realmente mínima!) é de 80cm, em termos de ergonomia, mas pode ser de 90cm e até 1 metro dependendo da legislação.
Se tiver apenas a bacia sanitária a área mínima é de de 1,20 m².
Com bacia sanitária e lavatório a área mínima sobe para 1,50 m² com os mesmos 80cm de medida mínima. Com bacia sanitária e chuveiro vai para 2 m².
Se contiver bacia sanitária, chuveiro e lavatório precisará de 2,50 m².
Banheiro com pastilhas no box.
As dimensões do box de chuveiro não deveriam ser menores que 80 x 80 cm, mas em casos excepcionais se admite até 70cm, entretanto o ideal é que seja maior que 80cm, algo como 100 x 90 cm.
Lavabo -- Quando é composto por lavatório e vaso sanitário sua dimensão mínima é de 80 x 120cm, ou seja, quase 1 m².

A porta deveria ser aberta, sempre, para o lado de fora, não só para economizar o
precioso espaço interno mas para permitir acesso ao interior caso alguém desmaie dentro do cômodo.
Azulejistas na sua cidade
Mas agora chegou um sistema muito facil para colocação e nivelamento de pastilha:
O nivelador de pastilha é um suporte para a aplicação de pastilhas que facilita e deixa o trabalho mais profissional.
Acesse nosso canal no Youtube e se inscreva
Para saber como funciona veja a materia explicativa:
www.gerasuportes.com.br

Veja também a 1° matérias da série metragens minimas:
O Azulejista-Qual a metragem minima para garagem,dormitórios,salas?

Gostou dessa matéria?
Cadastre seu e-mail para receber nossas matérias.
Coloque seu e-mail aqui:Delivered by FeedBurne 
Deixe seu comentário,ou acesse nossas redes sociais.
Não deixe que seguir O Azulejista nas redes sociais:










0 com

Como colocar piso sobre piso,passo a passo.

Quais são os cuidados para aplicar piso sobre piso?

Essas medidas são muito importantes, pois se você colocar o piso sem retirar as peças antigas que estão soltas, por exemplo, as novas placas poderão se descolar também.
Materiais como portas, janelas, tomadas e pontos de saída de água deverão ser ajustados ao novo nível, que aumentará com o recebimento da nova camada de revestimento.
Passo a passo:

1)Antes de iniciar a instalação, verifique se a superfície não apresenta desvios de prumo e se as peças novas apresentam concavidades.
2)Com a batida de um martelo, cheque as peças antigas e verifique se todas estão coladas à base.
O som oco ajudará a reconhecer as placas descoladas.
Como o descolamento geralmente ocorre do meio para os cantos da peça, comece o exame pelo centro.

3)Retire as peças descoladas e corrija os espaços vazios com argamassa de areia e cimento em espessura suficiente para regularizar e nivelar a área.
4)Limpe e seque totalmente a superfície.
Utilize produtos adequados para a remoção dos diferentes tipos de impurezas.
As peças não podem estar engorduradas.
5)Prepare a argamassa colante conforme as instruções do fabricante até que fique homogênea.
Deixe-a descansar por 15 minutos.
Depois, misture a massa novamente.
Após preparada, a argamassa deve ser utilizada no máximo em duas horas e meia (tempo de caixote).

6)As peças que serão instaladas também devem estar limpas, mas não podem ser lavadas.
Utilize uma escova seca para retirar a camada de pó no verso das placas.
7)Com a colher de pedreiro, coloque a argamassa na superfície e espalhe com o lado liso da desempenadeira.
Como a placa deve ser assentada no máximo em 20 minutos, estenda a argamassa em áreas de até 2 m².
8)Com a superfície coberta uniformemente desenhe os cordões, com o lado denteado da desempenadeira posicionado em ângulo de 60°, sem deixar que a base apareça.

9)Assente a placa e bata com o martelo de borracha em placas com espessura igual ou acima de 10mm.
Em placas com espessuras menores(extra finos) não utilize o martelo de borracha.
Dica importante: utilize sempre argamassa especial para piso sobre piso.
Em caso de dúvida peça a ACIII.

E nunca faça esse tipo de assentamento sem mão de obra especializada.
Azulejistas na sua cidade
Para um assentamento perfeito utilize a ferramenta adequada:


www.lojalhd.com.br
Veja este vídeo com uma dica especial:
Como calcular a quantidade de piso da sua obra?

Gostou dessa matéria?
Cadastre seu e-mail para receber nossas matérias.
Coloque seu e-mail aqui:Delivered by FeedBurne 
Deixe seu comentário,ou acesse nossas redes sociais.
Não deixe que seguir O Azulejista nas redes sociais:




0 com

O que é piso drenante?

O piso drenante é uma tipo de piso que permite a passagem da agua da chuva para o solo diferente do contraiso de concreto que impermeabiliza o solo.
Esse tipo de piso pode ser fabricado com varios tipos de materias desde que conserve a caracteristica de drenar a agua para o solo.
Entre os tipos de piso drenantes estão:
Intertravados:
Fabricados a base de cimento e areia grossa é entrelaçados sem uso de argamassa.
É aplicado sobre uma camada de areia grossa e não são rejuntados.
Piso Grama:
Fabricados a base de cimento e areia grossa é entrelaçados sem uso de argamassa.
Diferente do intertravado,no piso grama há espaços entre as peças que são preenchidos com grama.
Pisos a base de borracha de pneu:
Permite a passagem da água para o solo, proporcionando às raízes das plantas e árvores a água necessária, evitando a quebra do pavimento. Fabricado com 100% de borracha de pneu reciclada, conta com proteção UV e antichama, o que proporciona inúmeras vantagens sobre o concreto e demais pisos.

Photo 1
Piso a base de resina e granilha:
O piso drenante de granilha é produzido a partir de resina misturada com inertes selecionados, é uma superfície compacta, porosa, permeável ao ar e água, útil em locais que necessitem de uma ótima drenagem, protege o solo do desgaste conservando toda a permeabilidade.
O piso é um revestimento 100% permeável e decorativo, o produto oferece alto valor estético devido ao total aproveitamento das cores naturais dos materiais utilizados, é possível criar padrões de cores.
É utilizado em locais onde seja necessário proteger o solo, mantendo este completamente permeável.
O piso drenante é antiderrapante e pode ser aplicado em caminhos de jardim, calçadas, garagens, fontes de água, praças e parques públicos.

De fácil instalação o piso drenante não exige mão de obra qualificada, mas exige conhecimento das técnicas de aplicação.
Grande parte desse  pisos são comercializados em placas pré moldadas e pode ser encontrado em variadas cores, há também empresas que realizam moldes diferenciados sob encomenda.
É uma peça que possui ótima resistência, tem um bom custo benefício, além de ser muito funcional.
O piso drenante é bonito, durável e ecológico,pois utiliza na sua composição um grande quantidade de material reciclado,como entulhos de construção,vidro,pneus velhos,fibras vegetais,sobras depedras naturais como granitos e mármores bem como o pó de tais pedras.
Gostou dessa matéria?
Cadastre seu e-mail para receber nossa matérias.
Deixe seu comentário,ou acesse nossas redes sociais.
Não deixe que seguir O Azulejista nas redes sociais:


0 com

Pastilha de vidro importada.Qual a melhor marca de pastilha de vidro?

Piscina com Pastilhas de Vidro
Os revestimentos ou pastilhas de vidro podem ser de diversas cores cristalinas.
Possuem cantos e laterais abaulados, resistente a intempéries climáticas, muito sol e muito calor, assim como, muito frio e chuva, cor e brilho inalteráveis sob a ação do tempo.
Por se tratar de um produto artesanal, as pastilhas de vidro apresentam como característica do mosaico, pequenas imperfeições em sua superfície, as pastilhas possuem nuances que permitem um brilho multi-direcional, ou seja, tem alta refração da luz e da cor, numa fachada. 
Azulejistas na sua cidade
Por exemplo, elas jogam o calor da exposição ao sol para fora do edifício ao invés de passar para dentro dele através das paredes. 
Algumas linhas de pastilhas de vidro apresentam variação de tonalidade intencional a fim de reproduzir as cores da natureza, criando um efeito estético único. 
As cores presentes numa única peça serão parte das cores presentes nas outras peças, e a quantidade dos pigmentos de cor em cada peça pode variar bastante. 

O que é apenas uma nuance de cor em uma das placas de pastilha pode ser a cor predominante em outra.
Pode haver uma diferença de tonalidade ainda maior entre diferentes lotes de pastilhas de vidro. 

O mosaico de vidro é indicado para revestimentos de piscinas, paredes internas, externas e pisos de tráfego moderado.
O assentamento de pastilhas de vidro requer mão-de-obra especializada.
Pastilha de vidro é um produto artesanal, por isso pode ocorrer variação de tamanhos e tonalidades entre peças de uma mesma placa.

O principal nas pastilhas e mosaicos de vidro é a qualidade.
As normas brasileiras para confecção de materiais para acabamento são bem rígidas e regulam a produção nacional a fim de estabelecer um alto padrão de qualidade.
Os produtos importados devem seguir as mesmas normas de qualidade que as empresas nacionais.
Hoje cerca de 7o% das pastilhas e mosaicos de vidro são importados,com padrão internacional de qualidade.
Quanto a marca,visto que a produção não difere muito de uma empresa para outra,nem seus materiais, é praticamente impossível determinar qual a melhor marca de pastilha de vidro.
O que difere é a gama de produtos.
Para entender melhor este tema acesse a matéria:
Pastilha de vidro em promoção
Mas agora chegou um sistema muito facil para colocação e nivelamento de pastilha:
O nivelador de pastilha é um suporte para a aplicação de pastilhas que facilita e deixa o trabalho mais profissional.
Acesse nosso canal no Youtube e se inscreva
Para saber como funciona veja a materia explicativa:
Gostou dessa matéria?
Cadastre seu e-mail para receber nossa matérias.
Deixe seu comentário,ou acesse nossas redes sociais.
Não deixe que seguir O Azulejista nas redes sociais:


Banner Hotwords