Related Posts with Thumbnails

Máquinas e ferramentas

Argamassa para piso sobre piso.Em que situações usar e não usar?


O sistema de colagem de piso sobre piso veio para facilitar a vida de quem quer fazer aquela reforma em casa  e principalmente apartamento sem sujeira.
No entanto a argamassa para piso sobre piso não faz milagre.
Muitas duvidas surgem sobre como e onde utiliza-la e vamos esclarecer as questões mais frequentes sobre isso.
Geralmente o pensamento é ¨argamassa de piso sobre piso cola qualquer tipo de piso em outro¨. 
Isso não é verdade.

A argamassa para piso sobre piso foi desenvolvida para a colagem de cerâmica sobre cerâmica.
Com a popularização do porcelanato foi necessário a adequação das formulas pois o porcelanato absorve muito menos a umidade que a cerâmica.
O ideal-como cada empresa pode ter uma formula diferente- é se informar através do site ou embalagem de cada empresa para saber quais tipos de piso podem ser colados.
Mas em geral uma regra serve para todos os tipos de piso:
superfície antiga que receberá o novo piso não pode conter cera ou impermeabilizante.
A cera ou impermeabilizante cria uma película que impede a aderência correta da argamassa.
A argamassa PSP ( piso sobre piso) deve colar o fundo do piso novo a superfície natural do piso antigo.
Assim qualquer tipo de substancia que crie uma separação entre ambos são um risco para sua obra.
Ardosia
Em geral quem tem ardosia em casa e quer fazer aquela reforma,logo pensa na argamassa de piso sobre piso para evitar a bagunça e quebradeira.
No entanto para conservar a ardosia se usa cera.
Após tantos anos de uso,esta película de cera é o maior risco para a colagem da argamassa piso sobre piso.
Portanto recomendamos a retirada da ardosia e o assentamento convencional com a argamassa adequada ao tipo de piso a ser colado.
Cerâmica
Antes de pensar em começar o assentamento com a PSP é necessário avaliar o estado do piso antigo.
O maior problema são as peças com bolsas de ar-ocas-que poder se multiplicar com o passar do tempo a ocasionar a perca de todo o trabalho.
Ou seja você perde o piso antigo,a argamassa piso sobre piso-caríssima-o piso novo e a mão de obra.
www.lojadoazulejista.com.br
Recomendamos a retirada das pessoas ocas e a regularização do espaço e só depois a colagem da argamassa piso sobre piso.
Cimento queimado
Assim como a ardosia se utiliza cera na conservação e para dar brilho.
Recomendamos a remoção da cera por produto químico,e após o piso seco a colagem da argamassa  piso sobre piso se necessário.
Pois após o uso do produto químico dependendo de como ficou a superfície pode ser utilizada uma argamassa inferior adequada ao tipo de piso a ser colado.
Lajota
A lajota também tem como método de conservação o uso de ceras.
Assim neste caso é só seguir as sugestões acima.
Porcelanato


Como já salientado os passos acima resumem 90% dos problemas.
Mas no caso do porcelanato a absorção de umidade é quase nula tanto na superfície antiga como no fundo da peça nova,então após a colocação não deve haver trafego por varias horas e a secagem total pode levar até 2 dias.

Granito e Mármore
Recomendamos os passos acima em especial referente ao porcelanato.
Para saber como colar piso sobre piso acesse o link:
O Azulejista:Como colocar piso sobre piso, passo a passo.

Esperamos ter ajudado a sanar algumas dúvidas.
Veja este vídeo com uma dica especial:



Gostou dessa matéria?
Cadastre seu e-mail para receber nossas matérias.
Coloque seu e-mail aqui:Delivered by FeedBurne 
Deixe seu comentário,ou acesse nossas redes sociais.
Não deixe que seguir O Azulejista nas redes sociais:







0 comentários:

Postar um comentário

Banner Hotwords