Related Posts with Thumbnails

Máquinas e ferramentas

Como escolher torneiras?

Esta matéria é patrocinada por :
 www.clippermetais.com.br

Antes de comprar uma torneira, é preciso ver além do design da peça. 
Especificações como ambiente (cozinha, lavanderia, banheiro, jardim, etc.) e localização do ponto de água ajudam na hora de escolher o produto mais adequado.
Hoje, existem até quatro localizações do ponto de água: teto, piso e os dois mais comuns:
Parede, onde o ponto de saída de água fica acima da bancada (ou tanque) e a torneira é instalada diretamente neste local.
Em alguns casos, é importante saber a localização exata do ponto para calcular com precisão sua altura com relação à bancada ou topo da cuba (se esta estiver de apoio) – é o caso da torneira de bica reta, cuja saída de água deve ficar a uma distância de 25 cm.


Bancada, onde o ponto de saída de água fica logo abaixo dela, e a instalação da torneira depende do chamado ‘flexível’, responsável pela conexão do ponto de água com a torneira.
Como próximo passo, é importante procurar saber a quantidade de pontos de água fria e se existe algum ponto de saída de água quente, ou ainda se algum aquecedor de água elétrico será utilizado. 

A partir dessas informações, as torneiras podem ser classificadas em torneiras simples, feitas para pontos únicos de água fria, e misturadores, que são ligados a dois pontos na parede, um para a água quente e outro para a água fria.
Os misturadores possuem dois registros de abertura na peça, mas há também os modelos monocomando, com um único registro de abertura, porém, com a opção de acionar a água tanto quente como fria.
Com esses detalhes em mãos, você pode escolher qual modelo mais te agrada e combina com seu ambiente.

Gostou dessa matéria?
Cadastre seu e-mail para receber nossa matérias.
Deixe seu comentário,ou acesse nossas redes sociais.
Não deixe que seguir O Azulejista nas redes sociais:






0 comentários:

Postar um comentário

Banner Hotwords